RMJI – CAPÍTULO 11: FRASCO DIFÍCIL DE ABRIR

Tradução: Bananinha   |   Revisão: Derow

Han Li não encontrou muitas pessoas na volta, exceto por alguns discípulos sêniores, curiosos sobre por que Han Li estava mancando. Mas já que ele não disse nada, eles não prestaram muita atenção nele.

Quando ele voltou para sua casa, a dor em seu dedo ficou cada vez mais insuportável. Han Li se sentou na cama e tirou os sapatos para examinar sua lesão.

O inchaço estava imenso! O dedo direito dele tinha uma protuberância impressionante, e a sua unha no dedo do pé estava vermelho e parecia um pimentão.

Han Li rapidamente tirou um frasco de ervas de dentro de seu travesseiro. Formulado meticulosamente pelo Doutor Mo, este remédio acelerou a coagulação a um grau surpreendente. O Doutor Mo não distribuía facilmente remédios deste calibre. Originalmente era destinado a Zhang Tie, que inevitavelmente sofreria uma lesão ao praticar o Caminho do Elefante Blindado. Han Li não achou que ele seria o primeiro a usar o medicamento.

Abrindo o frasco medicinal, uma forte fragrância de ervas encheu a sala. Ele aplicou uma pequena quantidade em sua lesão e imediatamente sentiu uma sensação relaxante. Assim como o doutor Mo havia dito, teve um efeito imediato; O remédio do Senhor Mo era realmente incrível!

Han Li pegou um pano limpo e o passou no pé antes de calçar os sapatos.

Excelente! A dor estava diminuindo lentamente.

Ele começou a dar pequenos passos, como se estivesse testando seu limite de dor, acenando com satisfação, ao sentir que estava mais fácil de andar do que antes.

Agora, era hora de resolver o enigma representado pelo misterioso frasco que lhe causara uma lesão.

Han Li tirou o frasco de suas vestes e o limpou para restaurar seu brilho natural.

Este frasco não era tão grande, e uma única mão poderia envolver todo o comprimento do pescoço. Na verdade, era menor do que o frasco que continha o remédio do Doutor Mo. O frasco tinha um brilho verde e estava com um molde de folha verde escuro que parecia quase vivo. Quando Han Li sentiu os contornos dos desenhos na superfície do frasco, era quase como se houvesse folhas reais embutidas no próprio frasco.

Pesando o frasco em sua mão, Han Li não tinha ideia do tipo de metal usado para fazer este frasco, ou se era de porcelana. O frasco não tinha uma sensação fria e metálica, nem tinha o brilho da porcelana.

Han Li observou o frasco por um bom tempo, e a única coisa que ele poderia ter certeza era que ele não sabia o material usado para fazê-lo. O tom de verde parecia uma parte intrínseca ao material, não uma cor que foi adicionada depois de feito.

Ao ver como o frasco estava bem fechado, Han Li ficou curioso. Olhando o frasco, ele desejava muito ver se havia ou não algo dentro.

Mais uma vez usando sua força, ele tentou abrir a tampa do frasco.

Uma tentativa, duas tentativas, três tentativas … Era como se a tampa do frasco estivesse fundida no pescoço. Era quase como se ela se recusasse a se mover.

Han Li ficou surpreso; quando ele pegou pela primeira vez o frasco, devido a dores o atacando, ele não conseguia usar toda a força para abri-la e não percebeu o quão teimoso era o frasco. Mas agora que Han Li terminou de cuidar de seu pé e estava usando sua força total, ele ficou surpreso porque mesmo assim ainda não conseguia abrir o frasco.

Han Li tentou torcer a tampa mais uma vez até que seus braços começaram a doer, mas ainda não obteve sucesso, então ele não teve escolha senão parar.

Ele alongou os braços, movendo o pulso. No momento, gastou uma grande quantidade de energia para abrir a frasco, e seus esforços haviam fadigado seu pulso.

Segurando o frasco perto dos olhos, ele começou a inspecioná-lo de mais perto. Infelizmente, não havia nenhum mecanismo secreto sob a tampa que lhe permitisse abri-lo facilmente.

Isso frustrou Han Li. Ele não conseguiu abrir o frasco, então, como ele saberia se havia algo dentro ou não? Se estava selado com tamanha força, então definitivamente havia algo precioso por dentro.

Han Li segurou o frasco firmemente em sua mão, olhando-o vagamente. No final, ele decidiu que ele deixaria para Zhang Tie, que era muitas vezes mais forte do que ele, tentar e ver se ele conseguia abri-la. Ele sabia que o atual Zhang Tie poderia facilmente levantar mais de 10 baldes de água e descer as montanhas como se não fosse nada. Todos estes dias, foi Zhang Tie que recarregou a água no tanque enorme.

Depois que ele decidiu, Han Li se dirigiu à casa de Zhang Tie, esperando que ele voltasse logo.

Esperar por alguém era realmente desagradável; Han Li sentiu que o tempo passava extremamente devagar. Finalmente, depois de esperar por um longo tempo, um rangido foi ouvido quando Zhang Tie abriu a porta.

Reparando bem, Han Li viu que Zhang Tie estava usando apenas uma fina peça de roupa. Seu corpo inteiro estava fumegando enquanto transpirava livremente. Han Li sabia que esse era o resultado de seu cultivo, então ele não achou estranho.

Vendo que Han Li já estava em sua casa o esperando, Zhang Tie ficou atordoado. Mas antes que Zhang Tie pudesse dizer alguma coisa, Han Li impacientemente empurrou o frasco para ele.

“Irmão Zhang, por favor, ajude-me a abrir este frasco”.

“Onde você achou isso? Parece bastante legal!”, Observou Zhang Tie enquanto pegava a frasco.

Zi! Zi! Zi!

“Ai! Este frasco está muito bem fechado. É difícil abri-lo! O que foi usado para fazer isso?” Zhang Tie foi direto ao ponto: ele também não conseguiu abri-lo.

“Gah! Não consigo; este frasco não vai abrir! Por que você não encontra um discípulo sênior para ajudá-lo?” Zhang Tie pediu desculpas e devolveu o frasco para Han Li junto com a sugestão.

“Mesmo você não pode abrir isso?” Han Li estava ficando mais ansioso e ficou zanzando na sala.

“Ai! O que aconteceu com sua perna?”, Perguntou Zhang Tie quando viu o pé de Han Li.

“Não foi nada; eu chutei uma pedra na estrada.” Han Li não sabia o porquê, mas ele não queria contar a Zhang Tie sobre sua batalha surpresa com o frasco ainda. Agora, ele queria manter o frasco em segredo.

Han Li estava muito desapontado em seu coração. Ele não queria se sentar e conversar com Zhang Tie no momento, e depois de perguntar brevemente sobre como seu cultivo estava progredindo, Han Li imediatamente saiu da sala e voltou para sua casa para pensar em uma maneira de resolver seu problema.

Voltando à sua casa, Han Li colocou o frasco sobre a mesa e olhou intensamente para ela. Ao mesmo tempo, sua mente estava tentando pensar em soluções para abrir o misterioso frasco.