CAPÍTULO 39: REQUISITOS ANORMAIS

Tradução: Derow   |   Revisão: Derow

No entanto, Han Li não conhecia a voz do outro espião. Ele nunca mais conheceu essa pessoa. No entanto, a julgar pela voz do espião, sua idade deve ser relativamente jovem, com cerca de 20 anos.

Infelizmente, a fim de garantir sua própria segurança, Han Li não se atreveu a roubar um olhar. Ele temia que esses dois homens praticassem habilidades marciais que pudessem detectar seu olhar ao espiona-los, permitindo que eles estivessem cientes de pessoas próximas. Os ganhos potenciais não valeram as perdas potenciais.

Após este evento ligeiramente perigoso, a viagem depois tornou-se bastante segura.

Han Li finalmente voltou para casa depois do horário regular de janta.

Como sempre, o Doutor Mo misteriosamente lhe fez uma visita e deu uma olhada que não tinha interesse. Além de entregar alguns medicamentos elaborados, ele normalmente deixou Han Li para fazer o que desejava.

Han Li parecia que não tinha notado os remédios que o Doutor Mo havia entregue. Todos foram criados a partir de ingredientes medicinais raros que foram recolhidos de sua expedição anterior longe da montanha. Han Li acreditava que o Doutor Mo tinha abandonado suas expectativas dele e tinha algum outro esquema malévolo preparado.

Por enquanto, Han Li ignorou completamente a medicina preciosa que o Doutor Mo entregou. Mas, para evitar levantar suspeitas pelo Doutor Mo, ele beliscou o nariz e o engoliu.

Ele descartou qualquer suspeita de que os medicamentos fossem atados com veneno. Atualmente, qualquer dano que o Dr. Mo infligisse a Han Li só se machucaria.

Com relação a encontrar os espiões da Gangue do Lobo Selvagem, Han Li pensou no melhor método para lidar com eles no caminho de volta para sua residência.

Embora ele não estivesse profundamente apaixonado pela Seita dos Sete Mistérios, ele estava a meio caminho de se tornar um Discípulo Interno. Como ele poderia ser imparcial em relação a um caso prejudicial para a Seita dos Sete Mistérios diante de seus olhos e ignorá-lo completamente?

Ele pensou há muito tempo em um melhor candidato para lidar com esse assunto – Li Feiyu, o famoso Discípulo Sênior Li.

De acordo com a observação de Han Li, talvez a razão pela qual Li Feiyu consumisse a pílula de extração de essência era porque ele valorizava ser o centro das atenções muito maior do que um homem comum e não possuía pouca ambição. Ele sempre sonhou em entrar nas divisões superior da Seita dos Sete Mistérios, tornando-se o foco da atenção.

Han Li já havia suspeitado de que Li Feiyu provavelmente estava na última etapa de sua vida e, assim, tornou-se ainda mais frenético e faminto de fama.

Se Han Li permitisse que Li Feiyu realizasse uma grande contribuição para a Seita dos Sete Mistérios, Li Feiyu certamente ficaria infinitamente animado. Desta forma, Han Li poderia reembolsar Li Feiyu por roubar os manuais de espada.

Pensando na Arte da Espada Cintilante, Han Li sentiu uma onda de emoção.

Han Li não contou mentiras sobre a Arte da Espada Cintilante para o seu bom amigo. Esta arte da espada realmente não se adequava a Li Feiyu. No entanto, Han Li não revelou muitos detalhes.

Uma regra essencial de sobrevivência era que sempre devia manter alguns segredos, independentemente de quem eles estavam sendo mantidos.

Embora Li Feiyu e Han Li pareciam ter um relacionamento íntimo, não era excepcional.

No entanto, os conteúdos escritos nestes manuais secretos eram bastante diferentes dos ensinamentos marciais comuns.

Parecia a Han Li que, ao invés de dizer que era uma arte de espada, seria mais apropriado chamá-la de espada perspicaz. Era uma integração completa do clima, tempo, posicionamento favorável e técnicas secretas de assassinato contra todos os tipos de fatores e pessoas; tal habilidade raramente era vista. Era pura habilidade para matar; assim que a espada fosse retirada, a morte se aproximava.

Estes livros descreveram diferentes ambientes, horários do dia e a utilização de habilidades de espadas secretas praticadas de forma diligente. Havia todos os tipos de técnicas para matar que destruiria o inimigo em um único ataque.

Os manuais ensinaram aqueles que aprenderam essas habilidades de espada para fazer uso de toda árvore e grama no terreno, bem como raios de luz de todas as intensidades e ângulos, a fim de dificultar a visão do oponente. Durante a fração de segundo, o adversário estava enfraquecido, o usuário tiraria proveito disso e os mataria em um instante.

Esta era uma técnica misteriosa que exigia muita atenção e habilidade para executar. Sem o menor talento, seria impossível entender esta arte de espada.

Portanto, aqueles que aprenderam essa técnica misteriosa devem se destacar nos cinco sentidos. Sua visão e audição devem exceder muito a de uma pessoa comum por muitos níveis, se houvesse a promessa de até mesmo os menores resultados.

Mesmo que eles tivessem os requisitos para alcançar esse estágio, inevitavelmente haveriam alguns discípulos que desejariam o poder formidável da Arte da Espada Cintilante e escolheriam cultivá-la imediatamente após atingir o requisito mínimo.

No entanto, dominar a arte da espada exigia um esforço excessivo. Além disso, tinha requisitos ainda mais severos. Aqueles que cultivavam essa misteriosa técnica não podiam possuir uma força interior pura. Caso contrário, seu corpo sofreria complicações ao tentar executar a técnica. Isso tornou o cultivo da arte da espada bastante difícil.

Mesmo que alguém com o Qi Verdadeiro tivesse a sorte de ter sucesso, se o Qi Verdadeiro em seu corpo se tornasse muito vigoroso durante o combate real, as manobras de espadas, sem querer, produziriam deformações. Essas deformidades deixaram grandes lacunas para que o oponente aproveitasse, causando assim calamidades fatais.

Esses requisitos reduziram basicamente a maioria daqueles que tentavam cultivar a técnica. Em Jiang Hu, havia um ditado comum: “Praticar a habilidade do punho e a negligência terminará com o esforço de alguém na futilidade.”

Não praticar a força interior era um enorme tabu. Qualquer um que abandonasse seu cultivo de Qi Verdadeiro e espalhasse seu nome com uma esgrima de espada inefável seria verdadeiramente motivo de chacota em Jiang Hu.

Portanto, apenas uma pequena quantidade ainda tinha a intenção de continuar cultivando a técnica.

No entanto, mesmo que esses indivíduos tivessem muitos talentos e não tivessem problema em abandonar Qi Verdadeiro, o obstáculo final dissiparia suas intenções de seguir esse caminho.

O obstáculo final era a natureza excessivamente complexa da arte da espada cintilante e a memorização minuciosa das condições meticulosas em que cada uma das manobras de espadas dentro dos manuais de espada poderia ser aplicada.

Ver uma grande quantidade de manuais secretos espessos intimidaria qualquer pessoa comum à primeira vista.

Cada manual de espadas representava uma manobra de espada, e cada manobra de espada poderia ser dividida em centenas de formas de espadas. Cada forma de espada deve ser cuidadosamente selecionada para diferentes ambientes e diferentes horários do dia. Para dominar completamente as artes da espada cintilante, era necessário fazer uso completo de diferentes técnicas para cada situação.

A tremenda quantidade de habilidades de espada, sem falar o cultivo, pode causar dor de cabeça. Sem falar que isso exigia ainda a memorização completa e compreensão de cada manobra de espada e forma de espada.

Os requisitos anormais mencionados anteriormente obstruíram um número incontável de discípulos motivados, fazendo-os amaldiçoar sem parar em seu coração ao Elder que havia estabelecido essa arte de espada.

Com o passar do tempo, a Seita dos Sete Mistérios perdeu gradualmente o interesse nesta técnica da espada. Acreditando ser impossível para alguém treinar nesta técnica marcial, muitos discípulos pensaram que o Elder infundadamente e casualmente forjou essas técnicas marciais enquanto estava em frente a porta da morte. Caso contrário, por que haveria esses requisitos anormais? Isso foi deliberadamente concebido para ser difícil para os discípulos que desconheciam o potencial. Como resultado, esses manuais secretos foram colocados em uma prateleira, deixando de capturar o interesse de alguém.