SG – CAPÍTULO 33: Fórum da Noite Polar

Tradução: Pumpkin |   Revisão: Marina

Han Sen não foi longe para caçar esses dias. Ele estava sozinho, então, a menos que fosse para algum lugar, não era provável que encontrasse uma Criatura Mutante ou de Linhagem Sagrada antes das gangues de Qin Xuan, Filho do Céu ou Cara do Punho.

Han Sen entrou no Skynet e se registrou em um fórum chamado de ‘Noite Polar’, cujos membros eram pessoas de diferentes planetas atualmente lutando no Santuário de Deus. Aqui, as pessoas do mesmo abrigo podiam trocar informações e necessidades. Embora a Aliança tivesse um site oficial similar, era muito mais fácil de se entrar no Noite Polar, pois tudo o que se precisava era de um nome de usuário. No site oficial, precisaria se registrar com sua identidade real.

Não querendo que alguém conhecesse sua identidade, Han Sen foi à Seção do Abrigo Blindado de Aço, onde havia muitos posts, aproximadamente mil ou mais por dia.

Ele passou o olhar pelas publicações, a maioria das quais estava comprando ou vendendo informação, e depois havia uma de informações de recrutamento. Por exemplo, os ricos gastariam dinheiro para contratar pessoas do mesmo abrigo para proteger ou ajudar seus filhos.

Recentemente, a sorte de Han Sen foi muito ruim. Não só não conseguiu encontrar nem uma Criatura Mutante ou de Linhagem Sagrada, como também não conseguiu ganhar almas de besta. Então, decidiu trabalhar por dinheiro.

Han Sen procurou por um tempo e viu uma publicação de emprego, que pagava bem. Ele ficou surpreso ao ver que foi Lin Beifeng que postou. Han Sen não o viu desde a última vez que se encontraram. Era inesperado que ele também tenha postado no Abrigo Blindado de Aço.

Lin Beifeng não só estava recrutando homens fortes, como também estava fazendo ofertas por almas de besta e carne de Criatura Mutante. Ele queria todas as coisas boas e estava disposto a pagar por elas. As pessoas que responderam ao tópico eram principalmente apenas espectadores. Afinal, as demandas por carne de Criatura Mutante e almas de bestas eram tão altas que ninguém vendia facilmente.

Han Sen procurou um pouco e se virou para os outros tópicos, e logo ele encontrou um trabalho satisfatório.

Haviam vários jovens que acabaram de entrar no Santuário de Deus contratando um caçador habilidoso para ajudá-los a matar Criaturas Primitivas. O requisito era ser capaz de lidar sozinho com dez Criaturas Primitivas e protegê-los ao mesmo tempo.

Em uma palavra, esse era um emprego de babá: assistir novatos combater criaturas primitivas e salvá-los quando encontrarem perigo.

Esse trabalho não era difícil, mas muito problemático. De um modo geral, os experientes não aceitariam tal trabalho. Mas esses jovens estavam pagando bem, dez mil para protegê-los todos os dias, e o contrato era de pelo menos meio mês.

Han Sen enviou uma mensagem de texto para o número que tinha deixado e não deixou correio de voz ou nem mesmo enviou uma imagem de si mesmo. Ele não queria que suas informações pessoais fossem reveladas, e foi por isso que escolheu a Noite Polar. Podia ter ido ao site oficial, onde tudo era regulamentado e protegido por lei, mas precisaria assinar o contrato com sua identidade real.

Depois de um tempo, recebeu uma resposta, que dizia ter que ver o quão bem ele podia lutar antes de decidir contratá-lo. Han Sen não teve nenhum problema com isso e concordou em se encontrar em determinado horário e lugar no Abrigo Blindado de Aço.

Depois de concordar em se encontrar, Han Sen não fechou a janela, mas continuou navegando pela seção comercial. Depois que sua Lança Crescente de Bronze foi destruída, queria caçar uma alma de besta para si, mas não teve sorte em conseguir uma alma de besta no fim das contas.

Han Sen não estava tentando comprar uma alma de besta de arma, mas sim um arco de liga feito pelo homem.

(metal quím união atômica de vários metais com ou sem a inclusão de elementos não metálicos (como o carbono e o fósforo, p. ex.) com propriedades diferentes dos seus constituintes.)

Armas de liga alfa podiam ser facilmente encontradas agora para matar bestas primitivas, mas não criaturas mutantes. Elas também não eram baratas e normalmente custavam ainda mais caro do que almas de besta primitivas.

Han Sen podia usar a maioria das armas, mas tinha trabalhado arduamente no tiro com arco, já que planejava caçar sozinho a uma distância antes de entrar no Santuário de Deus. Mas ignorou algo. Ele não podia pagar por um bom arco e flechas e sem eles, não conseguiria nem perfurar a pele de qualquer criatura que seja.

Agora que ganhou dinheiro e seria possível para ele comprar um arco de liga e flechas. Ele queria começar a caçar com tiro com arco. Afinal, era um modo seguro e poderoso de caça.

A coisa mais importante era que, no Santuário de Deus, apenas aquele, que lançou o último ataque, tinha chance de ganhar a alma de besta. E o tiro com arco deve estar entre os três principais métodos quando se tratava de herança inesperada em potencial.

(Pumpkin: Esse herança inesperada seria basicamente um ‘ks’, mas quando você está em equipe não seria um ks, apenas ‘sorte’.)

O tiro com arco exigia treinamento especial, então a maioria das pessoas preferiam espadas e adagas. Não tinha muitas postagens sobre vendas de arco e flechas.

Han Sen estava tentando economizar dinheiro, então queria comprar algumas mercadorias de segunda mão. Os arcos de liga alfa custavam mais de um milhão, o que era muito caro para ele.

O lado positivo era que, devido à impopularidade do tico com arco, ainda não tinha muitos compradores concorrentes. Han Sen notou uma postagem de sete dias atrás escrita por alguém que estava prestes a ir ao Segundo Santuário de Deus e planejava vender todos os seus pertences. Todas as coisas foram vendidas, exceto por um arco de liga e seis flechas de liga.

“Um arco da Série Vader Preto e flechas da Série Sabre!” Han Sen tinha praticado o tiro com arco por um tempo e estudou cuidadosamente todos os tipos de arcos e flechas.

Para fazer armas, a liga não precisava necessariamente ser a mais rígida, pois se fosse muito rígida, o gume podia quebrar. No entanto, com a liga rígida, não se desgastaria tão facilmente.

Arcos e flechas não eram exceções. Haviam três tipos de liga usados no Arco Vader Preto. Dois eram misturados para fazer o próprio arco a fim de garantir sua flexibilidade e rigidez ao mesmo tempo.  E a liga usada na fabricação da corda era ainda mais especial, seus métodos de fabricação eram monopolizados por algumas empresas interestelares de produção de metal.

A Série Vader Preto era uma série clássica de arcos de liga, e os preços custavam o olho da cara. O mais barato, Arco Vagabundo, custava dois milhões, sem flechas ou aljavas incluídas no preço.